3 de mai de 2011

Greve na rede municipal de Ibirité continua por tempo indeterminado


Os trabalhadores da educação pública municipal de Ibirité, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, realizam nova assembleia nesta quarta-feira (04/05). A reunião está marcada para as 8h, em frente à prefeitura.


Segundo o Sindicato Único dos Trabalhadores em Educação (Sind-UTE), já aderiram ao movimento 70% dos profissionais, em 24 das 26 escolas. “O movimento está cada dia mais forte, conta com o apoio de TODOS os vereadores e ampla aceitação da sociedade”, informa boletim publicado pela subsede Ibirité.

Participam da greve professores, especialistas, cantineiros, serventes, auxiliares de secretaria. É reivindicada a implantação do piso nacional de R$ 1.595,87 para professores, além da redução da jornada de trabalho para auxiliares de serviços gerais. A greve foi iniciada no dia 25/04.


Segundo informações de dirigentes sindicais, o comando de greve já fez tentativas de negociar diretamente com a Secretaria Municipal de Educação e Prefeitura, mas não houve sucesso.

Nenhum comentário:

Postar um comentário