25 de mai de 2012

Trabalhadores do Hospital das Clínicas poderão cruzar os braços a partir de segunda-feira; servidores da UFMG estão em greve desde o dia 21


Servidores da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) vão realizar uma assembleia na próxima segunda-feira, 28, para deliberar sobre a greve, deflagrada no último dia 21. A assembleia será às 9h30, na entrada da Faculdade de Medicina, em Belo Horizonte.
A paralisação conta com a adesão de técnicos de laboratórios, funcionários do administrativo e bibliotecários. Trabalhadores do Hospital das Clínicas (HC), como médicos, enfermeiros e técnicos, também estão apoiando o movimento e poderão suspender as atividades a partir do dia 28.
Segundo o Sindicato dos Trabalhadores de Instituições Federais de Ensino (Sindifes), não houve avanço nas negociações realizadas com o reitor da universidade na última quinta-feira.
De acordo com o sindicato, os servidores têm reivindicações específicas sobre jornada, condições de trabalho e carreira. Não há pedido de aumento salarial ou revisão de benefícios. O maior foco do protesto é a criação de uma escala de trabalho, com a abertura de novas vagas para servidores, que propicie atendimento de qualidade à comunidade acadêmica.

Nenhum comentário:

Postar um comentário