4 de set de 2012

Sindicato dos Servidores de Uberaba cobra pagamento do plano de saúde dos funcionários para evitar suspensão dos servidos


A diretoria do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Uberaba (SSPMU) enviou um ofício ao prefeito Anderson Adauto alertando sobre a possibilidade de a operadora do plano de saúde dos servidores públicos municipais suspender os atendimentos ao funcionalismo. Diante da gravidade da situação, o Sindicato cobrou do prefeito o pagamento imediato dos débitos em atraso.
“A Lei 9.656/98, que regulamenta o mercado de saúde suplementar, prevê a suspensão dos atendimentos, em caso de atrasos nas mensalidades por mais de 60 dias, consecutivos ou não”, alerta os ofícios enviados pelos sindicalistas ao prefeito Anderson Adauto e ao secretário municipal da Fazenda, Edvar Newton Pereira.
Segundo o Sindicato, as faturas vencidas no dia 10 de agosto ainda não foram pagas, e, pior, o problema vem se arrastando desde o início do contrato, assinado em fevereiro de 2012 com a operadora RN Metropolitan.
Os diretores do SSPMU lembram que o plano de saúde foi conquistado também com a intermediação do Sindicato, que se comprometeu, junto aos servidores, de acompanhar de perto os resultados do plano.
“As notícias que temos é de que a satisfação dos servidores e seus dependentes é plena, e de que, até o momento, não houve registro de qualquer problema entre os beneficiários e a operadora que não resultasse em solução”, disse o presidente do Sindicato, Luís Carlos dos Santos.
A preocupação dos cinco diretores executivos do SSPMU é de que, se os atendimentos forem suspensos, muitos beneficiários em tratamento poderão sofrer graves consequências.
Para evitar o pior, a direção do Sindicato pediu ao prefeito que seja programada e informada uma data para que os pagamentos sejam regularizados e que o governo municipal assuma o compromisso de não atrasar o pagamento das novas faturas à RN Metropolitan.
Assinam os ofícios, o presidente Luís Carlos dos Santos; tesoureiro Ângelo Guilherme; 1º secretário Acinério Mendonça; diretor Social, Carlos Humberto Costa, e o diretor de Esportes Aldo Cezar.
Fonte: SSPMU.

Nenhum comentário:

Postar um comentário