1 de out de 2013

Dia Internacional de Ação promoverá a unidade dos trabalhadores, avalia dirigente da CTB

Contribuir para a unidade de ação dos trabalhadores em todo o mundo. Este é o objetivo das manifestações que ocorrerão na próxima quinta-feira (3) para celebrar o Dia Internacional de Ação da classe trabalhadora.
Na data, que lembra a fundação da Federação Sindical Mundial (FSM), em 1945, são promovidas manifestações protagonizadas pelos trabalhadores em diversos países para sensibilizar a sociedade sobre suas lutas.
O secretário nacional de Relações Internacionais da CTB, Divanilton Pereira, analisa que, “além de promover a reflexão sobre temas importantes, as atividades também contribuem para promover a unidade de ação dos trabalhadores”.
Neste ano, a jornada mundial tem como temas: alimentos, água, medicamentos livros e moradia para todos, além de reivindicações específicas de cada país, como, por exemplo, no Brasil será defendida a democratização dos meios de comunicação, o fim dos leilões do petróleo, o fim do projeto de lei que amplia a terceirização entre outras.
Divanilton expressou que, nestes 68 anos, a Federação tem desempenhado um papel fundamental na conscientização da população. “Em meio às crises do capitalismo, a FSM reaparece com grande perspectiva de uma visão estratégica e mais libertária dos trabalhadores em todo o mundo”.

Fonte: Portal CTB.

Nenhum comentário:

Postar um comentário