8 de jul de 2016

Manifestação em BH acompanhou Marcha da Saúde que reuniu 5 mil pessoas em Brasília



A Marcha em defesa da Saúde, da Seguridade e da Democracia reuniu cerca de 5 mil pessoas na Esplanada dos Ministérios, em Brasília, na última quarta (6). Além das caravanas de todo o Brasil para o ato na capital federal, manifestações também ocorreu em diversas cidades brasileiras. Em Belo Horizonte, a Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil em Minas Gerais(CTB/MG), que também participou da construção da Marcha, realizou protesto em frente ao Hospital das Clínicas. O Núcleo da UFMG esteve presente na manifestação e chamou atenção para a defesa do Sistema Único de Saúde (SUS), fortemente ameaçado pelo governo golpista.



Logo que assumiu de forma ilegítima o Ministério da Saúde, Ricardo Barros, deu entrevista ao Jornal Folha de São Paulo em que dizia que era necessário rever o tamanho do SUS. Ele sugere a redução dos números de atendimentos. Não  há dúvidas que suas propostas atingiram a população usuária do SUS.

Além disso,  o atual governo golpista pretende aprovar o Projeto de Lei 257/16 e a proposta de Emenda Complementar 241/16. Estas propostas limitam os gastos durante os próximos 20 anos, reduzindo o orçamento na saúde, na educação. O que irá precarizar e minguar o sistema.
A luta da CTB é por melhores condições de trabalho, por um orçamento para a educação e saúde que permitam as instituições públicas atenderem, com qualidade, as necessidades da Sociedade em geral.

A luta por Direitos é nossa. CTB a Luta é pra valer!!




Nenhum comentário:

Postar um comentário