3 de mar de 2017

SAAEMG lança campanha no rádio contra a reforma da Previdência

As mensagens são veiculadas em Belo Horizonte e também no interior



Com o objetivo de chamar a atenção da categoria para o Projeto de Emenda Constitucional (PEC 287) do governo Temer que institui a “reforma” da Previdência, o Sindicato dos Auxiliares de Administração Escolar do Estado de Minas Gerais (SAAEMG) iniciou uma campanha em rádio no dia 15 de fevereiro nas cidades de Belo Horizonte, Sete Lagoas e Divinópolis. A mensagem também está sendo veiculada em carros de som da capital e interior.

A presidente do sindicato, Rogerlan Augusta de Morais, explica que o objetivo da campanha é informar a categoria e o maior número possível de pessoas sobre essa famigerada “reforma” proposta pelo governo Temer. 

“Essa reforma que está sendo proposta retira direitos dos trabalhadores. Sem falar que ficará praticamente impossível o trabalhador brasileiro se aposentar pelas novas regras”, diz ela.

Em Belo Horizonte, os spots (mensagens de 30 segundos) são veiculados na rádio Itatiaia FM (95,7). Em Divinópolis, a mensagem está sendo transmitida na rádio 94 FM e em Sete Lagoas na rádio Musirama FM (92,1). O spot foi gravado pelo jornalista Tiago Reis, repórter esportivo da rádio Itatiaia. O texto diz o seguinte:

“Você sabia que a reforma da Previdência vai tornar mais difícil o seu acesso à aposentadoria? Hoje, o trabalhador pode aposentar com 35 anos de contribuição e a trabalhadora com 30 anos. Pelas novas regras, homens e mulheres somente após 49 anos de contribuição. Diga não à reforma da Previdência. Uma campanha do Sindicato dos Auxiliares de Administração Escolar de Minas Gerais. Somos trabalhadores, somos educadores...”

Além da campanha no rádio, o sindicato também está veiculando outra mensagem em carros de som da capital e interior. Nessas mensagens, o sindicato explica o falso déficit da Previdência Social divulgado pelo governo, o impacto dessa reforma na vida de homens e mulheres e as consequências para os aposentados e pensionistas.


As mensagens serão veiculadas até o dia 15 deste mês, data da paralisação nacional dos trabalhadores da educação (professores e auxiliares de administração escolar) contra as reformas da Previdência e Trabalhista do governo Temer. 

Fonte: SAAE-MG

Nenhum comentário:

Postar um comentário