20 de ago de 2012

Campanha contra agrotóxicos chama a atenção da população sobre o uso de venenos no cultivo de alimentos

A Campanha Permanente Contra os Agrotóxicos e Pela Vida está recebendo, até o dia 17 de setembro, doações para a produção de materiais de divulgação sobre os riscos do uso de agrotóxicos. As contribuições financeiras podem ser feitas através do site Catarse.

O objetivo da Campanha é intensificar o trabalho de conscientização e mobilização da sociedade contra o uso de venenos no cultivo de alimentos. Com o valor arrecadado, serão realizados seminários para colaboradores, sessões de cine-debate com o filme “O Veneno Está na Mesa”, palestras e cursos em comunidades, escolas e ONG´s. Além disso, serão produzidos panfletos informativos, cartilhas, cartazes e um vídeo de curta metragem sobre o tema.

A Campanha ainda realizará ações junto ao poder público, com propostas legislativas, assim como atuará na manutenção de um canal de comunicação constante com a sociedade, fornecendo orientação e convidando para as ações. Também será dado apoio para criação hortas orgânicas comunitárias.

Criada em abril de 2011, a Campanha Permanente Contra os Agrotóxicos e Pela Vida é composta por movimentos sociais, ambientais, estudantis e pesquisadores na área de nutrição e saúde, que se reuniram para manifestar preocupação e indignação com o fato de o Brasil ter se tornado o campeão mundial no uso de agrotóxicos. Em média, cada brasileiro consome 5 litros de agrotóxicos por ano.

Além da arrecadação de doações, a Campanha lançou uma petição pelo banimento no Brasil dos agrotóxicos já banidos em outros países. Para assinar a petição, clique aqui.
Mais informações sobre a Campanha Permanente Contra os Agrotóxicos e Pela Vida podem ser consultadas no site da campanha Contra os AgrotóxicosAcesse à página da campanha no site colaborativo Catarse.

Vídeo sobre a campanha:

 

Fonte: Portal Vermelho.

Nenhum comentário:

Postar um comentário