11 de fev de 2014

Centrais definem palavra de ordem para o ato nacional de 9 de abril

centrais sindicais ato 9 abril a
“Trabalhadores unidos por mais direitos e qualidade de vida”. Com esse mote as centrais sindicais irão às ruas no dia 9 de abril, para retomar a mobilização em torno da Agenda da Classe Trabalhadora.
O ato nacional, segundo o secretário geral da CTB, Wagner Gomes, reafirma a estratégia da unidade da classe trabalhadora em defesa do povo brasileiro e do desenvolvimento do país. “Precisamos do conjunto do movimento sindical para obtermos novos avanços e evitarmos quaisquer retrocessos”, pontua.
Serão seis as bandeiras de luta erguidas pelas centrais:
- Fim do fator previdenciário;
- Redução da jornada de trabalho sem redução de salários;
- Regulamentação da Convenção 151 da OIT;
- Reforma agrária;
- Mudanças na política macroeconômica;
- Mais investimentos na Saúde e na Educação.
Orientação para os estados
Ainda de acordo com Wagner Gomes, cada uma das seções estaduais da CTB deve buscar, em conjunto com as outras centrais sindicais, organizar manifestações unitárias até o dia 9 de abril.
“Contamos com o empenho de toda nossa militância para que a CTB mais uma vez esteja na linha de frente dessa batalha”, afirma o dirigente.
Portal CTB

Nenhum comentário:

Postar um comentário