4 de jun de 2011

Minas elege delegados para o Conselho Geral da CTB

A CTB Minas realizou, na última sexta-feira (03/06), o encontro estadual preparatório para o 1° Conselho Geral da entidade, entre os dias 28 e 30 de julho, em Atibaia, São Paulo. O evento nacional vai discutir e deliberar sobre medidas que envolvem o protagonismo da classe trabalhadora. Ainda serão agregados grupos de trabalho, o que promete dar visibilidade e otimizar a nova fase já vivida pela CTB, com inserção e representatividade ainda maiores na classe trabalhadora e sociedade brasileira. Segundo o Secretário Nacional de Formação, Pascoal Carneiro, o encontro da CTB Minas “preencheu todas as expectativas”, mostrando que a Central Sindical já se consolida como a principal do estado. “Esse o caminho que a CTB nacional quer trilhar, sempre buscando a unidade do movimento sindical, por um sindicalismo forte, consciente e combativo. E essa plenária teve tudo isso”, explica.



O Conselho Geral da CTB contará com a participação de 25 delegados eleitos por Minas Gerais. Desse total, 13 representam o setor urbano, unindo categorias como os professores e demais trabalhadores da educação, servidores públicos, metalúrgicos, indústrias extrativa e de derivados de petróleo. Outros 7 delegados são trabalhadores e trabalhadoras rurais, além de 5 que pertencem à Diretoria Plena da CTB no estado. Não foi necessário se preocupar em atender a cota de 30% para as mulheres, pois elas já conquistaram a maioria nos fóruns estaduais da CTB. O encontro foi realizado em Belo Horizonte, na sede do Sindicato dos Vigilantes de Minas Gerais. Participaram aproximadamente 150 delegados, representando sindicatos de todo o estado.

Pela manhã, houve o debate sobre a conjuntura e o Movimento Sindical brasileiro. A mesa de trabalhos foi contou com o presidente da CTB Minas, Gilson Reis; Vilson Luiz da Silva, presidente da Federação dos Trabalhadores na Agricultura de Minas Gerais (Fetaemg) e a deputada federal Jô Moraes (PCdoB). Na parte da tarde, foi realizado um balanço sobre as atividades da CTB Minas. Além do presidente, coordenaram a mesa o vice-presidente José Antônio de Lacerda, o Jota; a Secretária Geral, Rogelan Augusta de Morais; o Secretário de Comunicação, Gelson Alves; e a Secretária Nacional de Formação, Celina Arêas.


Conselho Geral será divisor de águas

Para Gilson Reis, o balanço do encontro da CTB Minas é “muito positivo”, pois a participação de delegados de todas as regiões do estado já permite constatar que a Central vem aumentando sua influência política. Gilson ainda destaca que representatividade da CTB é um processo gradual, fruto da luta legítima em favor da classe trabalhadora. Um exemplo seria o protagonismo da CTB Minas nas articulações pelo piso regional, suas contribuições ativas para colocar a campanha nas ruas, além do papel importante para garantir a unidade das Centrais.
Assim como pretende-se fazer com o Conselho Geral da CTB, o encontro estadual também demarcou compromisso de suas lideranças políticas para uma nova fase, um divisor de águas. “Uma deliberação importante é que nós teremos 7 companheiros liberados para a direção da CTB Minas. Vamos potencializar a direção executiva no seu cotidiano.Outra questão prática é o Coletivo de Formação, que depois de vários seminários, já consolidou suas atividades e agora vai começar a fazer cursos em todas as regionais do estado”, explica Gilson Reis.


 
De acordo com Pascoal Carneiro, a CTB promete adotar, a partir de agora, uma política mais agressiva de filiações. A grande aposta é a profissionalização da estrutura, com mais funcionários e assessores que vão trabalhar para dar mais agilidade aos registros de entidades filiadas no Cadastro Nacional de Entidades Sindicais (CNES), do Ministério do Trabalho. Atualmente, 350 processos de filiação estão em andamento. Caso fossem concluídos imediatamente, a CTB seria reconhecida oficialmente como a terceira Central Sindical mais representativa do País, em número de trabalhadores filiados a sindicatos.

Ainda no encontro da CTB Minas, foram aprovadas as seguintes substituições na diretoria: Juliana de Souza Matias (referendada como Secretária de Juventude); Alaíde Lúcia Albageto de Moraes (Terceira Vice-Presidente); Patrícia Ribeiro (Secretária da Mulher Trabalhadora); Nilma dos Anjos (Secretária da Regional Centro-Oeste); Adelmo Rodrigues (referendado como Secretário de Formação); Narciso Penido Ramos (Secretário organizador do ramo metalúrgico); Marcos Vinícius (Secretário de Meio Ambiente).

Redação: Verônica Pimenta – Jornalista CTB Minas
Fotos:  Messias Simão Telecesqui

Nenhum comentário:

Postar um comentário