22 de jan de 2014

Servidores de Governador Valadares voltam a discutir Plano de Carreiras





Mesmo com muitos servidores(as) em merecidas férias escolares ou de recesso, atendendo chamado do SINSEM/GV, dezenas de servidores municipais (IPREM, SEMOV, EDUCAÇÃO, SAÚDE, SAAE, PREFEITURA) compareceram na sede do sindicato para discutir sobre os Planos de Carreira, Cargos e Salários que estão na Câmara para votação.

A reunião teve a participação do Dr. Rogério Nalon, advogado do SINSEM/GV, diretoria atuante do SINSEM/GV e ainda a presença dos vereadores Paulinho Costa, Iracy de Mattos, Cezinha Alvarenga, Robson Mifarreg e Pedro da Utilar. O vereador Adauto Carteiro justificou ausência por motivo de viagem e também manifestou apoio total aos servidores.

O SINSEM/GV manifestou mais uma vez que um Plano de Carreira sério é aquele que realmente atenda aos anseios da categoria e seja um instrumento que possa corrigir as distorções e defasagens salariais acumuladas ao longo dos anos. Necessita fundamentalmente ser bem discutido e analisado.

Foi expressado ainda a dúvida sobre os reais motivos para que um plano de carreira seja enviado "ao apagar das luzes", sem nenhuma discussão mais aprofundada com a categoria e sem um mínimo de tempo hábil para os vereadores, sindicato e servidores lessem e analisassem centenas de páginas que irão ditar toda nossa vida funcional daqui pra frente. Por que o mistério? O que pode está nas entrelinhas do Plano?

Mas o ponto fundamental da reunião foi a de ouvir os servidores sobre o que pensam do Plano de Carreira ponto a ponto. Na opinião de alguns servidores, alguns pontos precisam ser urgentemente garantidos como correção salarial de alguns cargos, progressões por qualificação, garantia de progressão aos Auxiliares de Serviço Público, entre outros.

O PCCS do SAAE não foi discutido, uma vez que os servidores desta autarquia já manifestaram pedido de aprovação do mesmo junto ao sindicato e vereadores, podendo ser votado.

Entretanto, numa leitura mais criteriosa por parte do SINSEM e de alguns servidores, apesar de alguns avanços em relação ao quadro atual dos servidores, percebe-se claramente que a maioria dos salários no Plano de Carreira Geral estão bem abaixo dos propostos pelo sindicato e servidores. Há salários de cargos idênticos com valores bem diferentes (isonomia), dúvidas sobre a jornada de trabalho, "hospital escola", piso salarial educação, avaliação desempenho e muitas outras questões que precisam ser melhoradas e debatidas, bem como estudar possibilidade para proposição de emendas em conjunto com os vereadores. Esta analise foi compartilhada e apoiada pela ampla maioria dos servidores na reunião e também hipotecada pelos vereadores presentes.

Após diversas falas, sugestões, criticas, esclarecimentos de algumas dúvidas e surgimento de outras, ficou definido e consensuado pelos servidores e vereadores presentes sobre a necessidade de um prazo maior para leitura e análise das centenas de páginas do Plano de Carreira Geral - PLC 031/2013/PROCESSO1297/13 e por este motivo, ainda a impossibilidade de votação deste Plano Geral na reunião extraordinária agendada para esta quinta-feira, às 14 horas, na Câmara Municipal.

Esta reunião na Câmara será mais uma vez acompanhada de perto pela diretoria atuante do SINSEM/GV e servidores. Definiu-se ainda a continuidade dos estudos durante todo o mês de janeiro/2014 e marcada Nova Reunião Geral dos Servidores Municipais para estudo do PCCS/Geral no dia 28/01/2014, às 17 horas, na Sede Administrativa do SINSEM/GV, (Rua Barão do Rio Branco, 779, centro da cidade).

Portanto, vamos á LUTA junto com o SINSEM/GV.

Fonte: SINSEM/GV

Nenhum comentário:

Postar um comentário