21 de jun de 2011

Trabalhadores Públicos de Belo Horizonte fazem assembleia com indicativo de greve


Os servidores da Prodabel (Empresa de Informática e Informação de Belo Horizonte) participam de assembleia unificada nesta quarta-feira (22/06), com votação de indicativo de greve. O encontro está marcado para as 9h, na portaria da Prefeitura (Av. Afonso Pena, 1212). Também integram a mobilização trabalhadores da  Empresa de Transporte e Trânsito (BH TRANS), Companhia Urbanizadora (Urbel) e a Empresa de Turismo, Belotur.



Até o momento, a Prefeitura limita  a proposta de reajuste salarial ao Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC). Os trabalhadores querem ganho real sobre o piso e demais cláusulas econômicas, como tíquete-refeição e auxílio creche. Os Sindicatos consideram que o reajuste pelo INPC, no atual quadro econômico, significaria perdas salariais.


Além do ganho real, os servidores da Prodabel também querem avaliação de desempenho, com ampla discussão com representantes da categoria. Segundo Gildásio Cosenza, diretor do Sindados (Sindicato dos Trabalhadores nas Empresas de Processamento de Dados), a entidade teria tomado conhecimento informal do treinamento de gerentes e coordenadores, com o objetivo de implantar o processo de avaliação.

Leia mais sobre a Campanha Salarial

Foto: Sindados

Nenhum comentário:

Postar um comentário